Motor de Busca de Receitas Culinárias. ES | PT | EN | IT | FR







BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)

Por , 14 de Julho de 2017, Em Sem categoria


De: Pão, Bolos e Cia. (Ver receita )



Receita - BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)

Tenho feito este bolo várias vezes, por vários motivos:
1- é pratico de se fazer, todos os ingredientes são misturados numa única taça;
2- a massa é densa mas muito arejada e maleável, ótima para comer simples mas serve de base para uma sobremesa adicionando em cima uma bola de gelado de baunilha ou morango, uma colherada de natas ácidas ou chantily ou alguma fruta com calda;
3- preparado no vapor não precisa de forno, bom para os dias quentes em que não apetece ligar o forno;
4- é rápido de se fazer, assa enquanto se janta ou antes do lanche ou à hora do almoço quando nos esquecemos de preparar outra sobremesa para levar para o trabalho :)

A receita é de um bolo Chiffon, mas para a tornar mais prática eliminam-se algumas preparações típicas deste bolo muito fofo, como as claras em castelo, a dissolução do chocolate na água quente, o não untar a forma (no bolo chiffon a forma não é untada para que a massa cresça, se agarre à forma e não abata ao arrefecer) e o não arrefecer dentro da forma invertida. Assim sendo, de Chiffon tem os ingredientes e o sabor, a versão tradicionalo ficará para outro dia, o bolo chiffon foi um bolo que na minha adolescência fazia para qualquer festa

modas, porque as comidas também têm modas.

Feito com cacau fica mais escuro e com sabor mais marcante, com chocolate em pó ou achocolatado ficará um bolo mais claro com um aroma mais subtil.
Para acompanhar com uma bola de gelado ou natas ácidas prefiro a versão de cacau, mais intensa mas não mais amarga.

Fiz assim



BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)


INGREDIENTES
[Para uma forma de Ø 22 cm]
Versão de cacau:
6 ovos
200 g de açúcar
100 ml de óleo
100 ml de água morna
100 g de cacau
300 g de farinha
3 colheres (chá) de fermento em pó

Versão de chocolate:
6 ovos
50 g de açúcar
100 ml de óleo
100 ml de água morna
150 g de chocolate em pó ou achocolatado
300 g de farinha
3 colheres (chá) de fermento em pó

PREPARAÇÃO
Untar uma forma com manteiga e polvilhe com farinha ou passar spray desmoldante.

No copo do robot colocar os ovos, o açúcar, o óleo, a água e o cacau e bater alguns minutos até obter uma mistura fofa.
Adicionar a farinha juntamente com o fermento e envolver rapidamente.
Verter a massa para a forma e cobrir com folha de alumínio fazendo 3-4 perfurações com o bico de uma faca.

Lavar rapidamente o copo do robot e colocar água até quase ao nível máximo.

Colocar a forma na varoma e tapar.
Selecionar temperatura varoma/50min./vel.1.

Retirar a forma da varoma, deixar arrefecer uns minutos e desenformar.

Versão de chocolate:


Versão de cacau:


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Para um sabor, aroma e cor intermédios usar metade da quantidade de chocolate em pó e metade de cacau;
- Para que haja uma circulação de vapor uso um pauzinho de chinês. partido em 2. por baixo da forma para fazer altura, poderá usar 2 garfos ou facas pequenas;
- Se a forma usada não poder ser tapada com a tampa normal da varoma, não usar essa tampa e colocar folha de alumínio a servir de tampa, perfurando-a algumas vezes. Se a forma tiver buraco no cimo da chaminé ao cobrir com a folha de alumínio forrar também a abertura;
- No final do tempo, se a massa não estiver totalmente cozida, voltar a colocar na varoma e selecionar mais 10min.;
- A forma usada é de alumínio com Ø 22 cm e 7,5 cm de altura, das que antigamente vinham junto com os fornos elétricos "patuscas".

Sobre o Autor:

De: Pão, Bolos e Cia. (Visitar o Site)




BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)

Por , 14 de Julho de 2017, Em Sem categoria


De: Pão, Bolos e Cia. (Ver receita )



Receita - BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)

Tenho feito este bolo várias vezes, por vários motivos:
1- é pratico de se fazer, todos os ingredientes são misturados numa única taça;
2- a massa é densa mas muito arejada e maleável, ótima para comer simples mas serve de base para uma sobremesa adicionando em cima uma bola de gelado de baunilha ou morango, uma colherada de natas ácidas ou chantily ou alguma fruta com calda;
3- preparado no vapor não precisa de forno, bom para os dias quentes em que não apetece ligar o forno;
4- é rápido de se fazer, assa enquanto se janta ou antes do lanche ou à hora do almoço quando nos esquecemos de preparar outra sobremesa para levar para o trabalho :)

A receita é de um bolo Chiffon, mas para a tornar mais prática eliminam-se algumas preparações típicas deste bolo muito fofo, como as claras em castelo, a dissolução do chocolate na água quente, o não untar a forma (no bolo chiffon a forma não é untada para que a massa cresça, se agarre à forma e não abata ao arrefecer) e o não arrefecer dentro da forma invertida. Assim sendo, de Chiffon tem os ingredientes e o sabor, a versão tradicionalo ficará para outro dia, o bolo chiffon foi um bolo que na minha adolescência fazia para qualquer festa

modas, porque as comidas também têm modas.

Feito com cacau fica mais escuro e com sabor mais marcante, com chocolate em pó ou achocolatado ficará um bolo mais claro com um aroma mais subtil.
Para acompanhar com uma bola de gelado ou natas ácidas prefiro a versão de cacau, mais intensa mas não mais amarga.

Fiz assim



BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)


INGREDIENTES
[Para uma forma de Ø 22 cm]
Versão de cacau:
6 ovos
200 g de açúcar
100 ml de óleo
100 ml de água morna
100 g de cacau
300 g de farinha
3 colheres (chá) de fermento em pó

Versão de chocolate:
6 ovos
50 g de açúcar
100 ml de óleo
100 ml de água morna
150 g de chocolate em pó ou achocolatado
300 g de farinha
3 colheres (chá) de fermento em pó

PREPARAÇÃO
Untar uma forma com manteiga e polvilhe com farinha ou passar spray desmoldante.

No copo do robot colocar os ovos, o açúcar, o óleo, a água e o cacau e bater alguns minutos até obter uma mistura fofa.
Adicionar a farinha juntamente com o fermento e envolver rapidamente.
Verter a massa para a forma e cobrir com folha de alumínio fazendo 3-4 perfurações com o bico de uma faca.

Lavar rapidamente o copo do robot e colocar água até quase ao nível máximo.

Colocar a forma na varoma e tapar.
Selecionar temperatura varoma/50min./vel.1.

Retirar a forma da varoma, deixar arrefecer uns minutos e desenformar.

Versão de chocolate:


Versão de cacau:


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Para um sabor, aroma e cor intermédios usar metade da quantidade de chocolate em pó e metade de cacau;
- Para que haja uma circulação de vapor uso um pauzinho de chinês. partido em 2. por baixo da forma para fazer altura, poderá usar 2 garfos ou facas pequenas;
- Se a forma usada não poder ser tapada com a tampa normal da varoma, não usar essa tampa e colocar folha de alumínio a servir de tampa, perfurando-a algumas vezes. Se a forma tiver buraco no cimo da chaminé ao cobrir com a folha de alumínio forrar também a abertura;
- No final do tempo, se a massa não estiver totalmente cozida, voltar a colocar na varoma e selecionar mais 10min.;
- A forma usada é de alumínio com Ø 22 cm e 7,5 cm de altura, das que antigamente vinham junto com os fornos elétricos "patuscas".Tenho feito este bolo várias vezes, por vários motivos:
1- é pratico de se fazer, todos os ingredientes são misturados numa única taça;
2- a massa é densa mas muito arejada e maleável, ótima para comer simples mas serve de base para uma sobremesa adicionando em cima uma bola de gelado de baunilha ou morango, uma colherada de natas ácidas ou chantily ou alguma fruta com calda;
3- preparado no vapor não precisa de forno, bom para os dias quentes em que não apetece ligar o forno;
4- é rápido de se fazer, assa enquanto se janta ou antes do lanche ou à hora do almoço quando nos esquecemos de preparar outra sobremesa para levar para o trabalho :)

A receita é de um bolo Chiffon, mas para a tornar mais prática eliminam-se algumas preparações típicas deste bolo muito fofo, como as claras em castelo, a dissolução do chocolate na água quente, o não untar a forma (no bolo chiffon a forma não é untada para que a massa cresça, se agarre à forma e não abata ao arrefecer) e o não arrefecer dentro da forma invertida. Assim sendo, de Chiffon tem os ingredientes e o sabor, a versão tradicionalo ficará para outro dia, o bolo chiffon foi um bolo que na minha adolescência fazia para qualquer festa

modas, porque as comidas também têm modas.

Feito com cacau fica mais escuro e com sabor mais marcante, com chocolate em pó ou achocolatado ficará um bolo mais claro com um aroma mais subtil.
Para acompanhar com uma bola de gelado ou natas ácidas prefiro a versão de cacau, mais intensa mas não mais amarga.

Fiz assim



BOLO DE CACAU OU CHOCOLATE (VERSÃO VAPOR)


INGREDIENTES
[Para uma forma de Ø 22 cm]
Versão de cacau:
6 ovos
200 g de açúcar
100 ml de óleo
100 ml de água morna
100 g de cacau
300 g de farinha
3 colheres (chá) de fermento em pó

Versão de chocolate:
6 ovos
50 g de açúcar
100 ml de óleo
100 ml de água morna
150 g de chocolate em pó ou achocolatado
300 g de farinha
3 colheres (chá) de fermento em pó

PREPARAÇÃO
Untar uma forma com manteiga e polvilhe com farinha ou passar spray desmoldante.

No copo do robot colocar os ovos, o açúcar, o óleo, a água e o cacau e bater alguns minutos até obter uma mistura fofa.
Adicionar a farinha juntamente com o fermento e envolver rapidamente.
Verter a massa para a forma e cobrir com folha de alumínio fazendo 3-4 perfurações com o bico de uma faca.

Lavar rapidamente o copo do robot e colocar água até quase ao nível máximo.

Colocar a forma na varoma e tapar.
Selecionar temperatura varoma/50min./vel.1.

Retirar a forma da varoma, deixar arrefecer uns minutos e desenformar.

Versão de chocolate:


Versão de cacau:


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Para um sabor, aroma e cor intermédios usar metade da quantidade de chocolate em pó e metade de cacau;
- Para que haja uma circulação de vapor uso um pauzinho de chinês. partido em 2. por baixo da forma para fazer altura, poderá usar 2 garfos ou facas pequenas;
- Se a forma usada não poder ser tapada com a tampa normal da varoma, não usar essa tampa e colocar folha de alumínio a servir de tampa, perfurando-a algumas vezes. Se a forma tiver buraco no cimo da chaminé ao cobrir com a folha de alumínio forrar também a abertura;
- No final do tempo, se a massa não estiver totalmente cozida, voltar a colocar na varoma e selecionar mais 10min.;
- A forma usada é de alumínio com Ø 22 cm e 7,5 cm de altura, das que antigamente vinham junto com os fornos elétricos "patuscas".

Sobre o Autor:

De: Pão, Bolos e Cia. (Visitar o Site)




Time executed 0 seconds