De: As Minhas Receitas (Ver receita )



Receita - Pescada à Brás com Alho Francês e Batata Doce e o Chefs à Pesca


Há cerca de um mês fui convidada para um passeio no estuário do Tejo. O convite foi feito pela aptece – Associação Portuguesa de Turismo de Culinária e Economia, que lançou um projecto, o “Portugal Figura de Proa” com o objetivo de elevar o posicionamento do peixe e da gastronomia portuguesa. A primeira acção deste projeto, foi a criação da “Rota do Peixe Português”, que foi dada a conhecer através do evento “Chef´s à Pesca”, a bordo do varino “O boa viagem”, e que pretende afirmar o peixe e mariscos nacionais como produtos de excelência e qualidade. Eu que tanto falo no “consumir português” não poderia estar mais de acordo com esta iniciativa!
O evento, que para além do passeio de barco tinha ainda uma degustação a bordo, de uma maravilhosa e tradicional caldeirada à fragateiro, preparada pelo Chef Luís Barradas e os seus convidados. E em terra houve ainda tempo para ostras e os deliciosos vinhos da Adega Mayor. Normalmente não vou a este tipo de “eventos”: moro em Coimbra, tenho ainda a preocupação de ter de deixar os miúdos com os pais ou sogros – que apesar de os adorarem e adorarem ficar com eles têm também as suas vidas, e há sempre a deslocação – distância, tempo e custos a considerar. Mas há convites que não são para recusar e dias não são dias. Desta vez fui e não me arrependi. Pelo contrário! Foi um passeio de barco maravilhoso. Conversa boa. Um pôr de sol a bordo maravilhoso. Uma caldeirada no ponto. As melhores sardinhas do ano. E uma experiência diferente que valeu a pena.
Soube-me bem espairecer, numa altura em que o corpo já nos pede férias do cansaço acumulado do ano. Foi bom conhecer novas pessoas, falar de comida, comer bem e de forma descontraída, e ficar a saber mais acerca de peixe e desta rota que qualquer pessoa poderá fazer e assim conhecer mais acerca deste produto tão nosso e que nos torna os principais consumidores de peixe da Europa.













Ingredientes para 2 pessoas:

4 postas de pescada (as postas que usei não eram muito grandes)
1 alho francês grande
1 cebola
1 folha de louro
azeite q.b.
3 batatas doce (de polpa branca)
3 ovos
salsa picada q.b.
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Comece por cozer as postas de pescada em água com sal. Assim que estiverem cozidas, retire-as, e limpe-as de peles e espinhas. Reserve.
Descasque as batatas e corte-as finamente – como batata palha. (Eu usei a mandolina Borner, mas podem fazê-lo cortando as batatas o mais finamente que conseguirem). Frite depois as batatas em óleo ou azeite quente ou, se preferir leve-as ao forno depois de regadas com um fio de azeite, até que fiquem cozinhadas.
Entretanto corte a cebola em meias luas, e o alho francês em rodelas finas (não se esqueça de lavar bem o alho francês para o libertar de toda a terra).
Leve um tacho ao lume com um pouco de azeite e acrescente a cebola, o alho frances e a folha de louro, deixando refogar até que a cebola e o alho francês fiquem macios. Acrescente depois a pescada desfiada e tempere de sal e pimenta. Envolva depois a batata.
Mesmo antes de servir bata os ovos e envolva-os na mistura anterior em lume muito baixo, para que ovos fiquem cremosos e não pareçam ovos mexidos.
Coloque depois no prato de servir e salpique com a salsa picada.
Sirva com uma salada verde.

Bom Apetite!