De: Cheiro Verde (Ver receita )



Receita - Risoto ao Fughi

Risoto ao Fughi


Eu já tinha mencionado antes, o molho Fughi no post referente ao Alho e Óleo. É um cogumelo saboroso que compramos desidratado e combina muito bem com massas e molhos. É daquelas coisas não muito bonitas de se ver, mas que se apaixona pelo gosto. Olha a historia dele.

Aqui na nossa região Vale do Aço MG encontramos o cogumelo seco no hipermercado Cônsul, sessão de comida japonesa. Acredito que grandes hipermercados pelo país a fora e pelo mundo deva ter.  Eu nunca vi em outro hipermercado por aqui. Como já tinha comido no sul em Gramado RS o molho, eu como sou uma pessoinha persistente, queria fazer igual em casa. Toda vez que vou ao supermercado com tempo disponível, coisa rara, fico procurando novos temperos. Em minhas buscas de temperos no hipermercado acima, achei o Funghi seco. Coloquei no carrinho, o Victor, meu marido, olhou para aquilo e perguntou o que era. Eu expliquei a historia acima e ele fez cara de nojo e disse que não comeria algo tão feio

Tempo passou memória ruim, fiz o risoto em casa, piquei bem pequeno o funghi, ao ponto de não conseguir ver o que era e pronto! O danado comeu e repetiu umas três vezes

Ta vendo o que se perde apenas pela aparência!!!! Toda vez que eu faço agora ele já sente o cheirinho no ar e fica todo feliz!!! Receita sofisticada, fácil de fazer e muito difícil não agradar.
Ingredientes:
2 xícaras de arroz arbóreo, próprio para risoto
½ cebola pequena picada bem miúdo, pode processar se quiser
1 colher de sopa de manteiga
1 xícara de funghi seco picado
½ xícara de vinho branco – aqui usei vinho branco de jabuticaba


5 xícaras de água
2 tabletes de caldo de carne
1 xícara de requeijão de copo, aquele que se passa no pão, cremoso
1 pitada de sal
Pimenta do reino a gosto
Queijo parmesão ralado para polvilhar

Preparo:
Em uma panela funda, coloque a manteiga e aqueça ate derreter, junte a cebola picada e mexa, deixe ate começar a corar, fogo baixo. A cebola fica meio transparente quando está no ponto.  Junte o arroz, misture bem, junte ½ xícara de vinho branco, deixe evaporar e reduzir um pouco, enquanto isso ferva a água com os caldos de carne em tablete. Assim que a água ferver coloque os cogumelos fughi para hidratar, coisa de um minuto. Quando o vinho secar jogue os cogumelos ao arroz, retire do caldo com uma escumadeira e coloque as conchas de caldo de carne aos poucos, coloque mexa e deixe reduzir, ate que o grão de arroz fique macio, por isso é preciso provar de vez em quando. É rápido, coisa de no máximo 15 minutos, para ficar ao ponto. Assim que estiver no ponto, desligue o fogo e acrescente o requeijão, mexa até incorporar ao risoto. Acerte o sal se necessário. Sirva com um fio de azeite e queijo parmesão.