De: As Minhas Receitas (Ver receita )



Receita - Pannacota de Coco com Cerejas


Em vésperas de fim de semana, que dizem por aí, que vai ser de muito calor, a sugestão não é um bolo, mas sim uma sobremesa fresca.
A acompanhar a pannacota, uma espécie de compota de cerejas, preparada com as cerejas que a minha cunhada de ofereceu e que são deliciosas. Tão deliciosas que merecem uma receita boa onde possam brilhar.
A pannacota não tem nada de extraordinário, continua a ser uma das sobremesas mais simples e rápidas de preparar (se com isto não contarmos o tempo de refrigeração)e para quem tem dificuldades em desenformar, a solução é nem sequer tentar e servir nuns copinhos transparentes cobertos com a calda escolhida.
Só para ser um bocadinho diferente, esta pannacota leva, além das natas leite de coco, o que lhe dá um sabor mais delicado e muito subtil a coco. E além disso, o coco e as cerejas são uma boa combinação, pelo que a calda escolhida recaiu sobre as cerejas que, como já tinha dito, queria usar numa sobremesa desde que chegaram acabadas de apanhar, cá a casa.
Uma sobremesa fresca, perfeita para o verão. E a minha sugestão para este fim de semana. Quem sabe para comer depois de um churrasco ou sardinhada!



Ingredientes para 4 pessoas:


200ml de natas
200ml de leite de coco
5 colheres de sopa (rasas) de açúcar
2 folhas de gelatina


calda de cerejas:
150g de cerejas
3 colheres de sopa de açúcar
50ml de água
1 colher de sopa de sumo de limão


cerejas e hortelã para decorar


Preparação:


Para a pannacota coloque as natas (diretamente do pacote) num tacho e acrescente o leite de coco e o açúcar. Leve ao lume até levantar fervura e o açúcar estar bem dissolvido, mas não necessitam de ferver.
Entretanto demolhe (hidrate) as folhas de gelatina em água fria. Quando estiverem moles escorra-as bem, apertando-as na mãos para que libertem a máxima quantidade de água e junte-as à mistura quente. Como a mistura para a pannacota está quente as folhas de gelatina derretem de imediato, e não há perigo de talharem como pode acontecer quando se acrescentam depois de derretidas a coisas frias. Mexa bem e divida a mistura por quatro corpinhos ou formas.
Leve ao frigorífico algumas horas (mínimo de 4, idealmente de um dia para o outro) até ficarem firmes.
Entretanto retire o caroço às cerejas e coloque-as num tacho com a água, o açúcar e o sumo de limão e leve a cozinhar cerca de 8 minutos até obter uma calda xaroposa. Retire e deixe arrefecer completamente.
Para servir, retire as pannacotas do frigorífico e divida a calda pelos corpinhos – ou desenforme-as primeiro e cubra com a calda – e decore a gosto com cerejas frescas e uma folhinhas de hortelã.


Bom Apetite!